Polícia prende um suspeito de participar de morte de PM em SP

Alexandre de Aquino
São Paulo, SP

Um homem suspeito de participar da morte do policial militar Leandro Patrocínio, 30 anos, na zona sul de São Paulo, foi preso na manhã desta sexta-feira (13) pela Polícia Civil de São Paulo. A impressão digital dele teria sido encontrada no cativeiro. O homem foi encaminhado para o DHPP (Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa) para prestar depoimento.

Além dele, a digital de outro suspeito teria sido encontrada no local da ocorrência. No sábado (5), a Justiça decretou a prisão temporária de duas pessoas suspeitas de participarem do assassinato. A investigação aponta que, ao menos, cinco estão envolvidas na ocorrência. O laudo da necropsia do IML (Instituto Médico Legal) ainda não foi divulgado, mas acredita-se que Leandro tenha sido vítima de tortura. A causa da morte também depende do exame.

A Polícia Civil ainda apura a motivação do crime e trabalha com duas hipóteses iniciais: ainda não se sabe se o policial militar foi reconhecido pelos criminosos ou se a morte se deu por causa de um desentendimento. Já se sabe que o soldado fez uma compra, com seu cartão de débito, em um bar ao lado de um baile funk, em Heliópolis.

Leandro estava desaparecido desde 29 de maio e seu corpo foi encontrado por cães farejadores na sexta-feira (4), em um terreno em Heliópolis. A retirada do corpo do local aconteceu no sábado (5) e contou com o apoio de uma escavadeira. No domingo (6), a 5ª Delegacia de Investigações sobre Pessoas Desaparecidas, que investiga o caso, confirmou que o corpo era do policial. O homem trabalhava no 1º Batalhão da PM Rodoviária, em São Bernardo do Campo (ABC). Nascido no Rio de Janeiro, o soldado estava na corporação paulista há cerca de cinco anos.

As informações são da FolhaPress

O post Polícia prende um suspeito de participar de morte de PM em SP apareceu primeiro em Jornal de Brasília.

Ir a la fuente
Author: Redação Jornal de Brasília

Powered by WPeMatico